Ivy em ação
O scrapbook é uma atividade muito bacana e pouco divulgada. E essa é a intenção da entrevista de hoje: fazer essa arte ficar mais conhecida em Santos, pois em vários estados já é uma febre! Ivy Larrea é uma jovem santista aficionada por essa mania e seu blog conta com mais de 200 acessos por dia. Ela, que já cursou moda, conta como nasceu essa paixão pelo scrapbooking.
O que é, afinal, o scrapbooking? De onde surgiu?
Scrapbooking é a arte de decorar álbuns de fotografias de maneira criativa onde você registra suas memórias com recortes, fotos e textos. Hoje em dia é aplicada de outras formas, como scrapfesta em convites e lembrancinha, scrapdécor e patchscrap. Surgiu em Utah nos EUA, onde pessoas da religião mórmon já decoravam seus livros e nos EUA é tradição e um hobby normal registrar os momentos com fotos em livros e álbuns de scrapbooking. Tem um filme, “Recém chegada”, que mostra mulheres em grupos em casa fazendo, achei muito interessante!

Como você descobriu o scrapbooking? Virou hobby assim que você o conheceu?
Eu descobri o scrapbook em 2004 e logo de cara adorei. Eu estava numa fase de procurar algo para fazer, já que meu primeiro filho nasceu com síndrome de down e na época parei de trabalhar (fazia moda) para cuidar dele, logo comecei a pesquisar e como sempre fui autodidata, criei meu próprio estilo.

Você trabalha com o scrapbook?

Sim, tenho a sorte de meu hobby virar meu trabalho.Trabalho para uma empresa que vende materiais de artesanato em geral e scrapbooking e viajo pelo Brasil ministrando aulas. Tenho cinco volumes de dvds em que ensino várias técnicas e desenho uma linha de papéis de scrapbooking. Amo o que eu faço e não penso em fazer outra coisa!
Como você decidiu mexer com isso, ensinar as pessoas, como as coisas foram crescendo?
Com o tempo fui me profissionalizando, mandei vários trabalhos para revistas e programas de tv e logo fiquei conhecida. Em 2008 ganhei o Prêmio “Artesão do Ano” na categoria de papel por voto popular e até hoje divulgo meus trabalhos em varias mídias.

Aqui no Brasil ainda é pouco conhecido? E em Santos, como é?
No Brasil vem crescendo muito e já existe várias lojas, mas em Santos infelizmente não temos uma loja especializada. Tenho um grupo de amigas que fazem scrapbooking e aprenderam comigo há alguns anos atras e até hoje nos reunimos pelo menos duas vezes por ano para trocar informações e fazer scrap.

Quais são seus projetos dentro do scrapbooking?
Tenho um projeto que espero realizá-lo logo: um livro de scrapbooking. Também aceito encomendas de álbuns, lembrancas e convites e este ano tem muitas feiras de scrapbooking e certamente estarei trabalhando lá. Gostaria de achar um lugar para dar aula e se a loja ou atelier tiver interesse ia ser muito bom ter materiais para vender, pois em Santos vende pouco material.
Gostou? Para entrar em contato com a Ivy é só acessar o site/blog dela lá em cima!